Evento Teia GNT

 
A nossa colaboradora Sabrina Machado participou de um grande evento em SP na semana passada e trouxe um pouco do que ela viu para  compartilhar a gente!

"Mais do que contar a experiência nesse evento, gostaria de dividir com vocês uma análise sob a ótica de uma profissional que cria eventos, e que mesmo depois de anos, ainda se emociona ao ver que sim, esses momentos são inesquecíveis e experiências como essa, inspiram e transformam de verdade.
A primeira análise, é sobre proximidade, achei incrível, um canal de televisão, que sempre surpreende por seu conteúdo e que compra várias lutas, se abrir dessa forma e propor o debate de assuntos tão profundos e delicados, o sentimento era de que nós fazíamos parte da GNT, e eles estavam ali, todo o elenco do canal, prontos para conversar, debater e atender a todos.
 
A segunda análise é sobre o momento, o evento aconteceu na quinta, dia de 02 de junho de 2016, um dia após o Brasil ser tomado por várias manifestações a favor da igualdade e contra a cultura do estupro, um momento onde ser mulher traz uma força arrebatadora e poderosa, e durante o evento, era possível sentir essa força da coletividade e dessa luta pela transformação, uma sensação de que vamos mudar o mundo sim.
 

A terceira análise é mais técnica, o evento estava impecável, com uma cenografia que trazia todo o conceito de teia, através de vários painéis criados através da técnica de String Art, o clima dos espaço era muito colorido, no centro do MuBE foi criada uma “feira” com barracas de comidinhas e bebidas, o espaço ainda tinha um palco onde alguns convidados eram entrevistados ao vivo e onde aconteceram shows.

Outra ação que fez muito sucesso foi a oficina de String Art realizada pelo Coletivo Meio Fio, além de montar um quadro na hora, os convidados podiam ajudar a construir um grande painel com as palavras Coragem, Empatia e Coletividade.

Falando nessas palavras tão fortes, vamos para a quarta e última análise, porém a mais importante: o conteúdo. Com um roteiro muito bem amarrado, eles criaram três painéis de debate que iam construindo uma narrativa que se complementava, para cada um deles foram convidadas mulheres e homens que estão se destacando no Brasil e no mundo, por colocarem suas vozes e suas vidas, pela luta contra a desigualdade.
 

O primeiro painel falou sobre CORAGEM, e destacou a luta de cada uma das convidadas para encontrar a sua verdade e defender suas ideias, com participações de Stephanie Ribeiro, Clara Averbuck, Gabriela Moura, Carol Marra e Thais Braga Fabris. Um dos momentos mais fortes do painel foi com a jornalista e atriz transexual Carol Marra, que contou uma passagem de sua vida onde ela passou por um processo de emprego dificílimo e foi recusada no momento que entregou seus documentos para contratação. Outro momento forte foi protagonizado pela jovem e já revolucionária Gabriela Moura, escritora, co-fundadora do Não Me Kahlo e autora do blog Nada Sob Controle, onde ela reforça que um dos maiores desafios dos dias atuais é quebrar um ciclo da nossa sociedade machista e racista, que acha normal atitudes que atingem diretamente mulheres, negros, gays, trans... Para fechar esse painel com chave de ouro, uma frase da estudante de arquitetura e ativista feminista negra, Stephanie Ribeiro, onde ela diz que sua mãe nunca falou a palavra feminista, mas que sempre a criou para ser uma mulher corajosa.

O segundo painel foi sobre EMPATIA, o debate foi sobre se colocar no lugar do outro, e os convidados Juliana de Faria, Nátaly Neri, Sergio Barbosa, Babi Souza e Laura Kroeff, foram além do se colocar no lugar do outro, a fundadora da ONG ‘Think Olga’ e criadora das campanhas ‘Chega de Fiu Fiu’ e ‘Primeiro Assédio’, Juliana de Faria falou sobre a necessidade do respeito e reforçou: "Nosso trabalho é gerar empatia em quem não compreende as opressões que nós mulheres sofremos. Nem sempre precisamos que a outra pessoa sinta o que estamos sentindo, mas precisamos que ela entenda que eu sinto um sentimento que ela não sente e respeite”.

O Terceiro e último painel foi sobre COLETIVIDADE, e para mim, foi o mais sensacional de todos, sabe aqueles momentos que parece que você levou um tapa na cara, pois bem, foi assim que me senti, esse painel contou com a participação de pessoas que possuem projetos de vida altamente inspiradores e transformadores, foram eles: Alice Freitas, Letícia Abraham, Thiago Nasser, Gabriela Mazepa e Cris Bartis. O painel começou com um pequeno trecho do documentário TRUE COST, esse documentário fala sobre a roupa que vestimos, sobre as pessoas que a fazem, e sobre o impacto que a indústria da moda tem no mundo. Não consegui conter as lágrimas e chorei muito, agora estou me preparando para assistir ele inteiro.

 
Todos os convidados desse painel trouxeram a discussão sobre o ato de cada um impactando o mundo inteiro, por isso é tão importante pensar em cada ação, cada escolha para que nós não sejamos coniventes com tantas desigualdades, qual o valor da roupa que vestimos, qual o valor do que comemos, quem faz, quem ganha com tudo isso, trabalho escravo, infantil, poluição do meio ambiente, está chegando a hora de parar com esse consumo desnecessário.
 

Tenho certeza que todas as pessoas que participaram desse momento saíram do evento de um jeito diferente, querendo fazer parte dessa grande transformação. Espero, de todo o coração que o canal faça outros eventos como esse e se aproxime cada vez mais do seu público, lutando junto, acreditando e empoderando mulheres de todo o Brasil."
 
 
 
 
 
Comentários
5 Comentários

5 comentários:

  1. Tão bom participar de eventos assim que nos enriquecem. É o assunto empatia e um mundo melhor me interessa muito. Adorei o post!

    ResponderExcluir
  2. Deve mesmo ter sido o máximo. Adorei a proposta!!!

    http://www.arianebaldassin.com/

    ResponderExcluir
  3. Que legal, adorei a foto da teia.
    Eventos são sempre tão informativos, voltamos cheias de novidades.

    ResponderExcluir
  4. O evento deve ter sido muito bom. Esses momentos enriquecem nossa vida pessoal e profissional.

    ResponderExcluir
  5. Oi Melissa, que máximo esse evento. Pena que não rolaaqui no Rio.
    beijos
    Chris

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita!!
Deixe sua mensagem, dúvida ou opinião, que ficarei muito feliz em responder!